A briga de políticos que eu quero ver

Publicado originalmente em Ceticismo, Ciência e Tecnologia:
Que político não presta, isso todo mundo sabe. Nenhum desses malditos parasitas vale um tostão furado e normalmente a única coisa que mereceriam seria o nosso desprezo, mas, de vez em quando, um relógio quebrado está certo duas vezes por dia, como é o caso do Eduardo…

A arte dos documentários

Publicado originalmente em Situações do Planeta Terra:
Todos nós crescemos assistindo aos tradicionais filmes de ficção. Em sua maioria, filmes de entretenimento com algum elemento paranormal, garantindo assim várias sessões pipoca e muita grana no caixa dos grandes estúdios cinematográficos. Mas quando você vai crescendo e amadurecendo, começa então a apreciar as histórias mais…

Um vira-latas em defesa da memória do Divino do Rock brasileiro

Publicado originalmente em Frascos & Comprimidos:
Na última segunda-feira, dia 7 de junho, completaram-se dois anos da morte de um icônico e folclórico brasileiro. Serguei, o Divino do Rock. Foi um silencioso e esquecido “aniversário de morte”, quase ninguém lembrou. A memória se perde junto com as ruas invadidas pelo mar de Saquarema, onde morou…

Coexistência

Publicado originalmente em BêDotCom:
Coexistência, SP 2020. Obra de Eduardo Kobra, artista Paulistano que já levou seus murais aos 5 continentes do planeta. Ela retrata dois aspectos muito relevantes da nossa atualidade. O primeiro relacionado ao enfrentamento à pandemia que assola impiedosamente o mundo inteiro e que nos faz recorrer, invariavelmente, à nossa fé…

Profetas da Infelicidade

Publicado originalmente em Café Beatnik:
O Túmulo dos Vagalumes, escrito e dirigido por Isao Takahata, 1988. Pasolini, em seus textos políticos e ate seu último filme, Saló, pretendeu nos apresentar ou nos representar esta nova realidade do círculo dos “fraudulentos” ou da vala dos “conselheiros pérfidos”, sem contar os “luxuriosos”, os “violentos” e outros “falsificadores”.…

Tattoo

Publicado originalmente em Rede Alagadiço:
O ano era 2013. Lembro quando acordamos naquele domingo de ensaio. Ele me encarou depois de um beijo de “bom dia” e disse: – Quero fazer uma tattoo. Fiquei ali, estático por uns segundos, sem entender direito o porquê daquele desejo repentino, do nada mesmo. Sorrindo, respondi com uma…

A Arte não espera pelo seu Amém

Publicado originalmente em Catarina voltou a escrever:
Na época da eleição do presidente que aí está… comentei no meu instagram que a nossa categoria (artística-literária) seria pisoteada-esmagada pelo protótipo de ditador eleito. Quem tem consciência de como é o pensamento militar, sabia de antemão que a Cultura seria esmagada — resultando em dias tenebrosos para…

Cansamos das ficções?

Publicado originalmente em Leituras contemporâneas – Narrativas do Século XXI:
Luciene Azevedo Créditos da imagem: Arnulf Rainer,  Untitled- 1974- Oilstick and Crayon Over Photograph Acho que não é preciso dizer que um dos maiores desafios para aquele que pensa as produções artísticas hoje é a presença marcante da primeira pessoa. Comentando a relação…

A Arte como espaço transicional

Publicado originalmente em eu(em)torno:
Atahualpa Yupanqui “A veces em llanto se vuelve canto en el andar“ Atahualpa Yupanqui . . A arte é uma realização – encontra suporte no real – de algo do mundo interno. No entanto, não é nem puramente real nem puramente imaginado; é uma experiência transicional. *** Já falei…

Palavras

Publicado originalmente em Blogue do Foureaux: a minha expressão verbal:
Nada como um passeio pelo dicionário. Em tempos de circo para ignorantes, poucas palavras são suficientes para identificar a absoluta falta de qualquer coisa e deixar nua e crua a verdade. Então, vamos lá! Canalhice: substantivo feminino, ação própria de canalha, canalhada, canalhismo. Canalha:?substantivo…

O cordeiro desfaleceu em plena Broadway – Do Gênesis à Revelação

Publicado originalmente em Terceira Margem:
FREDERICO MORIARTY – Quase 1 ano de muitos ensaios, shows e apresentações e a banda pensa em desistir. Pudera, o LP ” From Genesis to Revelation ” vendera apenas 649 cópias. Mike Rutherford, o baixista, levantou três problemas a resolver: mais ensaios, redefinir o estilo musical da banda e orientar…