Cantiga para acender estrelas

Sonia Zaghetto

Por que haverias tu de esquecer o amor?

É o que te pergunto enquanto, mergulhada no silêncio ameno da tarde, penso em ti após ler a tua mensagem.

Dizes que abres as tuas gavetas de alma e não gostas do que encontras. Talvez por isso eu perceba a tua tristeza.

Falas que tuas atitudes, palavras e ações mostram orgulho, autoritarismo, prepotência, intolerante juízo e, em alguns momentos, até uma certa maldade. Lamentas as mágoas, culpas, raivas e rancores que habitam as tuas memórias e me dizes sem rodeios que te sentes um monstro.

É nesse instante que te vejo como um céu no qual se apagaram todas as estrelas.

Eu me pergunto por que fazes tal coisa contigo. Por que te torturas dessa forma, sendo que todos nós carregamos sombras? Tu não és exceção. Tu és humana e tens ao alcance dos ouvidos a voz dúbia dos seres amados, ora…

Ver o post original 629 mais palavras