[transcrição] Figuração versus abstração nos modernismos brasileiros

NOTA manuscrita

O galo, Cândido Portinari, 1941, óleo sobre tela. Pintura “O Galo”, de Cândido Portinari, de 1941. Com pincelas marcadas, a pintura apresenta um galo estilizado, com o pescoço dobrado e a cabeça invertida. Ao fundo, uma linha do horizonte embaçada e a silhueta de uma pessoa à esquerda, segurando a linha de uma pipa, que aparece no canto superior direito.

Transcrição do podcast NPT S05E08: Figuração versus abstração nos modernismos brasileiros

 

Apresentação

E aí, gente perdida? Tá começando mais um Não Pod Tocar. Eu sou Rodrigo Hipólito e este é o oitavo episódio da nossa quinta temporada. Se você chegou aqui agora, o Não Pod Tocar é um podcast sobre teoria, história, crítica, prática de arte e temas afins. No nosso feed, você encontra, além dos episódios de temporada, com conversas, ensaios e experimentações, o Pataquadas, no qual a Alana de Oliveira repercute as principais notícias do mundinho da arte, com colunas abertas de Dennis Almeida e…

Ver o post original 6.261 mais palavras