UMA VIAGEM TEMPORAL: INXS

Amor Louco

Verão de 2020, sol escaldante, suor escorrendo, sentado na poltrona do espaço Cabeça Martelo eu aguardava o ar condicionado cumprir sua missão.

Eu precisava atingir um estado de total relaxamento mental e físico, aquele era um momento diferente e especial, não que os outros momentos não fossem.

As horas de musica explodindo nas caixas costumavam estar sempre presentes, não só nas alucinantes playlists musicais, mas também nos acordes frenéticos da Punk Beach, a banda que habitava o local.

A grande loucura foi descobrirmos que havia algo diferente ali, algo digno de um grande classico de ficção científica, um buraco de minhoca, um atalho através do tempo, uma fenda temporal.

Meus olhos fitavam as paredes que por todos o lados destilavam em silencio grandes memórias da cultura pop de nossa geração, eu sabia que o local me levaria a alguma outra dimensão no tempo e no espaço, eu e meu amigo…

Ver o post original 1.916 mais palavras