MORREU O PAI. A FILHA É ETERNA

Virtualidades

O pai esperou 24 horas. Não quis morrer na data do aniversário da sua filha pródiga, transformando a data festiva em dia de lamentação. Foi no dia 29 de setembro de 1964 que o hebdomadário – nome estranho dado a jornais que circulam uma vez por semana – Primera Plana publicou a primeira tirinha da Mafalda, na Argentina. E ontem, 30 de setembro de 2020, perdemos Quino e a sua genialidade.

Quino nasceu Joaquín Salvador Lavado Tejón, em 17 de julho de 1932, na cidade argentina de Mendoza. Era filho de um casal de imigrantes vindos da Andaluzia e o apelido ganhou ainda na infância, para ser diferenciado de um tio que tinha o mesmo nome. Foi esse familiar que terminou por despertar nele o gosto pelo desenho, manifestado já aos três anos de idade. Quando tinha 13 anos perdeu seu pai e aos 16 se tornou também órfão de…

Ver o post original 579 mais palavras