Casa de praia

Artliteral

Relato de um sonho

Havíamos marcado de ir para uma casa de praia. Tenho a impressão de termos ido de carro. Mas tal impressão me vem a mente somente como uma vaga memória que não consigo chegar a uma clara resolução se foi ou não verídica. Não sei mesmo… Também não sei se algum dos que estavam comigo sabem… Só sei que chegamos lá, ah isso foi fato! Também não perguntei a Jonnas e nem a Ellen como se deu a viagem, muito menos os dois me falaram em algum momento. Ficou por isso mesmo … O importante era estarmos lá. Jonnas, um amigo que há uns quatro anos atrás havíamos trabalhado juntos e desde então viramos fiéis amigos e Elen minha prima, a quem eu sempre gostara muito e que já havia vivenciado alguns breves e intensos lances amorosos.

Não era, contudo, apenas nós três presentes por aquele litoral…

Ver o post original 1.367 mais palavras