As dores não são imaginárias

Elas contra Tebas

Ana Karina Manson

As amigas de escola da minha caçula se tornaram “amigas imaginárias”. Ao longo do dia a pequena brinca e conversa com elas como se estivessem ao seu lado. Saudades dos dias de escola.

São tempos de pandemia; amigos imaginários, amores imaginários, abraços imaginários.

Queria escrever sobre o poder de nossa imaginação em criar realidades; mais ainda no poder da imaginação da criança para sobreviver a estes dias. Mas não posso…

As dores não são imaginárias.

Essa é a realidade que nos atormenta, que me atormenta.

As dores não são imaginárias.

Pergunte àquela mãe que encontrou seu filho de cinco anos caído, machucado, negligenciado no duro chão do condomínio luxuoso. Condomínio de luxo com conforto garantido pelo corretor. Mas foi duro para o menino filho da doméstica; é dura a vida e a morte para filhos de domésticas.

Você ainda se lembra dessa mãe? Por favor, não a…

Ver o post original 189 mais palavras