RACISMO: APENAS UMA DAS MIL FACES DO HORROR.

O sentido do ser

Imagem Movimento Rosto e Cores

“Na verdade a mão escrava
Passava a vida limpando
O que o branco sujava, ê.
Imagina só
O que o branco sujava, ê.
Imagina só
O que o negro pensava, ê.

Mesmo depois de abolida a escravidão,
Negra é a mão
De quem faz a limpeza,
Lavando a roupa encardida, esfregando o chão.
Negra é a mão
É a mão da pureza.”

In: A Mão da Limpeza – de Gilberto Gil

Ver o post original 1.252 mais palavras