#cronica – Quem narra, consente.

desenho.moderno

Este texto encontra-se em vídeo no canal do Youtube da Caturra Digital Filmes – Playlist “Aconteceu na Caturra“.

QUEM NARRA, CONSENTE.

Salve a cidade que foi nascida e crescida por “gentes” e malabaristas de capital.Ela nota que suas curvas e varandas recebem o sol em brasa, a menina bonita, a parede cheia de cor.

Tem a cidade que fala de livro, recebe a letra e digere o passo do palco. A gente voa por cima da cidade que fala de livro, deve ser porque ter asa é igual ser a Alice no país das maravilhas pretas, que vencem, que pulsam naquele hotel cheio de portas grandes e janelas sem fim.

Tem a cidade da mulher assustada que anda, que procura fé, que fica doida, que corre do medo que dorme com ela. A mulher de vermelho que é dona da cidade, que é linda, que é rua, que…

Ver o post original 320 mais palavras