A política britânica como um reality show (assim como no Brasil)

Com a política paralisada por causa das férias do verão, pela troca de líder no partido Conservador e impasse sobre o Brexit, resta aos jornalistas britânicos investir em nuances da vida privada. E os políticos não deixam por menos e

Por exemplo, Michael Gove, um forte candidato à liderança do Partido Conservador foi criticado por ter admitido o uso de cocaína. O novato Rory Stewart foi ridicularizado pelo boato de que ele teria trabalhado como espião. Sem falar nas dezenas de políticos já banidos por terem algo tido como inaceitável nas redes sociais ou pegos em alguma situação embaraçosa (por ex. sexting).

A deputada conservadora Andrea Leadsom, que disse que Theresa May devia ser infeliz por não poder ter filhos.

A briga de Boris Johnson com a namorada foi explorada ao máximo por seus opositores, mas ela foi só mais um fato num cardápio de escândalos que atingem os conservadores.

Ver o post original 1.179 mais palavras