olhar triste

Aquilo que não falei: escrevi

Será que você vê essa tristeza carrego em mim? Muitos dizem que eu tenho um olhar triste, você também. Antes fosse apenas o olhar, penso. Escrevo com os olhos salgados, coração apertado e cabeça girando. Porque dói enfrentar todos os meus fantasmas.  Dói… sangra…

Esses tempos alguém me disse que eu estava sempre tão feliz. E eu, curiosa, apenas respondi: – Sério? Nossa!  Pensei o quão incrível era aquilo e inconscientemente comecei a investigar o porquê de ele me achar “feliz”. Foi então que considerei, não a minha felicidade aparente, mas o fato de que finalmente eu teria conseguido esconder essa tristeza que sou eu. Alguém me achava “feliz”.  Com o passar dos anos aprendi que ninguém quer alguém triste ao lado e fui desenvolvendo uma espécie de verniz, uma capinha mais brilhante, para não afastar as pessoas e integrar o meio digital.

O fato é que estou sempre cansada…

Ver o post original 291 mais palavras

Anúncios

2 comentários Adicione o seu

  1. Ela disse:

    Feliz em ver o texto aqui. Obrigada! ❤

    1. AntimidiaBlog disse:

      Que legal! Este espaço é para isso também……… 🙂 …………e obrigado pelo post!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s