Homossexualidade animal.Os bichos “saíram do armário” há muito tempo

Lirio da Paz

A existência dos relacionamentos homossexuais no reino animal não é novidade — em 1999,por exemplo,o zoólogo canadense Bruce Bagemihl descreveu,em seu livro Biological Exuberance,o homossexualismo em mais de 400 espécies diferentes,e diversos estudos já trataram do tema nos últimos 25 anos.O que não havia ainda era um exame desse comportamento especificamente em termos de suas consequências evolutivas,já que o homossexualismo,em princípio,vai contra a continuidade das espécies.A lacuna começou a ser preenchida em 2009,com a divulgação de uma revisão de literatura científica feita por dois biólogos da Universidade da Califórnia em Riverside,Nathan Bailey e Marlene Zuk.

livroHOMOANIMAL211246

Por Eduardo Araia

Segundo o trabalho,publicado no jornal Trend in Ecology & Evolution,está comprovado que os relacionamentos entre parceiros do mesmo sexo são generalizados no reino animal,abrangendo desde os vermes até os primatas.Vão muito além,portanto,dos exemplos mais conhecidos,como os pinguins,os golfinhos,os macacos bonobos e as moscas drosófilas.Mas,alertam os autores,há uma diferenciação que não…

Ver o post original 569 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s