Nietzsche – Eterno Retorno Cosmológico

Razão Inadequada

Apesar do Eterno Retorno ser sempre exposto como um pensamento inspirado pelas caminhadas de Nietzsche pelas montanhas de Sils Maria, precisamos também trazer, para a completa compreensão do conceito, os aspectos científicos e históricos que influenciaram Nietzsche. Esta questão é importante e o quadro histórico não nega a inspiração nietzschiana.

É neste universo niilista, onde Deus está morto, que Nietzsche pôde pensar novas maneiras pelas quais todas as coisas vêm-a-ser, passam e, como veremos, retornam. A doutrina do Eterno Retorno tem uma face cosmológica com um resultado prático, seletivo e ético. Mas para fazer essa passagem, do argumento para a prática, da teoria para o conceito, é preciso de saída recusar as hipóteses teístas. Para Nietzsche, os que ainda creem na existência de Deus não podem suportar a ideia de que tudo retorna.

Para que haja alguma validade, o Eterno Retorno de todas as coisas exige um pensamento de absoluta…

Ver o post original 1.714 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s