A Feira Internacional do Livro, em Guadalajara, e seus arredores

Labirinto Invisível

Semana passada, participei da FIL – Feria Internacional del Libro, em Guadalajara, no México. Foi a primeira vez que participei de um evento literário em outro país, e segue aí meu humilde relato.

A Feira

Para descrever a FIL, talvez o melhor seja dizer que é uma mistura de Bienal com FLIP – ou suas primas próximas – em escala aumentada. Tem elementos de todas essas, em uma quantidade impossível de acompanhar. A FIL completou 30 anos agora em 2016, e é considerada a 2ª maior do mundo, atrás apenas da Feira de Frankfurt.

O que vemos lá, de um lado, são os estandes e corredores enormes – e cheios de gente – que costumamos ver por aqui nas Bienais do Livro de São Paulo e do Rio. Sim, muitas excursões de escola, aquela coisa toda. Mas, por alguma razão, as pessoas lá não se atropelam tanto ou fazem a…

Ver o post original 1.081 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s