Morre Siné, polêmico cartunista do ‘Charlie Hebdo’

Trampos e Afins...

LUTO

Maurice Sinet lutava contra o câncer há anos e teve
problemas após uma intervenção cirúrgica.
Cartunista era conhecido por sua irreverência e
criatividade


Maristela Orlowski ¸ Especial para a Gazeta do Povo [05/05/2016]
[18h49]


12

Siné, em setembro de 2008 – Foto: MARTIN BUREAU/AFP

Após longa e polêmica trajetória, morreu na manhã desta quinta-feira (5), em Paris, após uma intervenção cirúrgica, o cartunista Maurice Sinet, mais conhecido como Siné, do jornal satírico francês “Charlie Hebdo”. Ele tinha 87 anos e lutava contra o câncer há vários anos. O anúncio foifeito na página oficial da “Siné Mensuel”, uma revista criada por ele após sua demissão em 2008.

De acordo com o jornal francês “Le Monde”, Siné comprou sua sepultura no tradicional cemitério de Montmartre há algum tempo. Ele também adquiriu uma peça de bronze no formato de um cacto com um gesto obsceno do dedo do meio, sua marca. No epitáfio: “Morrer? Melhor sofrer”. Pensando em…

Ver o post original 222 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s