A Jornada Do Herói

Muito Bom

Tudo no universo é um padrão, sem exceções. O que não parece um padrão é só um padrão complexo demais para ser percebido. Este fato permite criar o que chamamos de arquétipo. Arquétipos são modelos que estruturam objetos semelhantes.

O antropólogo Joseph Campbell percebeu e registrou o que seria um dos mais fantásticos arquétipos da história: O Monomito, ou a jornada do herói. É algo como o roteiro de ouro, presente de forma subliminar desde a antiguidade na história dos mais conhecidos heróis, desde os grandes semideuses da mitologia grega, até Moisés e Jesus da bíblia.

A quantidade de filmes, livros, contos, quadrinhos, e qualquer tipo de narração em que a Jornada do Herói está presente é incalculável. O Monomito se apresenta em três partes e doze passos, e para apresentá-los, compararei com a clássica saga de livros Harry Potter, de J.K.Rowling. E também com a aclamada…

Ver o post original 1.091 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s