Bienal de São Paulo discute incertezas através da arte

Vaporizador

Uma das experiências artísticas mais interessantes que existem, a Bienal de São Paulo chega à 32ª edição sob o tema Incerteza Viva. A mostra ocupa o Pavilhão da Bienal, no Parque do Ibirapuera, até 11 de dezembro, reunindo 340 obras de 81 artistas e coletivos que refletem sobre as possibilidades oferecidas pela arte contemporânea para “abrigar e habitar incertezas”. Além de obras, há performances e programas públicos focados na diversidade, liberdade e experimentação. A lista de artistas participantes é imensa. Abaixo, confira alguns destaques.

DALTON PAULA (Brasil)

fbsp_29074_32bsp_daltonpaula_catalogo_738

Na obra do artista braziliense que vive em Goiânia (GO), objetos são destituídos de suas funções originais para se tornarem suporte da pintura. Primeiro as enciclopédias tiveram suas capas sobrepostas por representações de negros e indígenas. Agora, o procedimento se repete sobre um conjunto de alguidares, pratos cerâmicos que remetem ao passado colonial e à Rota do Tabaco.

EBONY G. PATTERSON (Jamaica)

FBSP_30703_32BSP_160826_PT_013.jpg

A artista…

Ver o post original 417 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s