Isolado e culpado – Uma análise do conto “Os músculos”, de Ignácio de Loyola Brandão

Antimidia

Flickr CC | Luiz Gustavo Leme

Sobre o autor

Nascido no interior de São Paulo, Araraquara, Ignácio de Loyola Brandão, 80 anos, é crítico e escritor. Sua primeira publicação foi o livro de contos Depois dos Sol em 1965, no inicio da ditadura militar. O livro Zero chegou a ser censurado e publicado primeiramente em italiano antes que pudesse ser publicado no Brasil, em 1975. Sua bibliografia é vasta, com dezenas de publicações. Com o romance O menino que vendia palavras, de 2008, venceu os prêmios Jabuti de melhor ficção e Fundação Biblioteca Nacional, como melhor livro infanto-juvenil. Em 2006 recebeu da Academia Brasileira de Letras o prêmio Machado de Assis pelo conjunto da sua obra.

Fonte | Wikipédia – https://pt.wikipedia.org/wiki/Ign%C3%A1cio_de_Loyola_Brand%C3%A3o

O conto

Os músculos foi lançado em 1976 (não consegui identificar precisamente aonde, mas a data aparece em trabalhos acadêmicos e críticas sobre o conto, mas aonde isso…

Ver o post original 1.041 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s